Livro do mês #Janeiro 2018: do Castelo a Alfama, passando pelas sete colinas

Embora Alfama se aninhe mesmo junto ao Castelo de São Jorge e o percurso pareça curto, neste livro digital para miúdos e graúdos há muito mais para explorar.

Na capa,  o casario do bairro de Alfama com o castelo ao fundo, o famoso elétrico 28, dois corvos e dois gatos pretos, um bem perto da peixaria… Por dentro, mais um livro em formato interativo, com várias propostas para conhecer Lisboa. Chama-se “Lisboa, do Castelo a Alfama” e foi  produzido pelo CITI – Centro de Investigação para Tecnologias Interativas, da NOVA FCSH, em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa.

Este livro interativo começa pelo Castelo de São Jorge e os vestígios dos tempos. É possível fazer uma visita guiada ao seu interior e dar conta da sua vista sobre a cidade, através de um vídeo com cerca de três minutos. O dicionário digital pode ajudar nalgumas palavras, como saber de onde vem o estranho nome de Lixbuna.

A personalidade que ‘responde’ à entrevista é o primeiro presidente da República, Manuel de Arriaga, nascido na cidade da Horta, nos Açores. Além da político republicano,  Manuel de Arriaga tinha gosto em conviver com escritores da geração de 70 do século XIX. Alguns deles escreveram muito sobre Lisboa.

Diz uma lenda que “em tempos que já lá vão Lisboa era uma cidade plana” e que se chamava Ofiúsa. Mas então como é que numa cidade plana surgiram as sete colinas? Esta primeira lenda sobre a cidade conta tudo e fala de outra figura ligada à fundação de Lisboa. Quem será?

Nas páginas finais deste livro digital chega-se finalmente a Alfama. A última proposta é um pedipaper sobre este bairro. Em grupo é muito mais animado para ser feito por crianças, com colegas de escola ou com familiares. Um mapa da zona, o guião, lápis ou caneta e um relógio são todos os objetos necessários para se ir fazendo registos.  E não faltam as soluções, em caso de dúvida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *