Do Estádio da Luz ao Jardim Zoológico, já há memórias para todos em São Domingos de Benfica

Chegou a vez de a história da freguesia de São Domingos de Benfica ampliar o projeto “Memória para Todos”, um património construído e reconstruído com registos de quem lá viveu ou passou.

O Estádio da Luz, construído em 1954 no espaço desértico da Quinta do Montalegre, ou a Universidade Católica construída em 1971, rodeada por terrenos agrícolas, são duas das mais emblemáticas imagens que pode encontrar no website Memória para Todos, recentemente ampliado com contributos da freguesia de São Domingos de Benfica.

A secção “espaços” tem cerca de três dezenas de imagens que vão do século XX a dias mais recentes: dela constam o Colégio Infante de Sagres, o mercado local ou os primórdios do Jardim Zoológico. Os registos fotográficos foram cedidos por entidades como a Fundação Calouste Gulbenkian e o Arquivo Municipal de Lisboa, e também por moradores que as partilharam a partir dos seus “baús” de família.

Na secção “vidas”, que conta com cerca de uma dezena de entrevistas gravadas em vídeo, moradores mais idosos da freguesia relatam as suas memórias dos espaços.

O projeto Memória para Todos foi criado pelo Instituto de História Contemporânea da NOVA FCSH e dedica-se à identificação, recolha, estudo e divulgação de testemunhos, histórias, memórias e objetos de todos aqueles que participaram na construção da história das freguesias de Lisboa.

LEGENDA: Campo de jogos do Estádio da Luz. [1954]. Fotografia de Estúdio Horácio Novais. Fundação Calouste Gulbenkian/Biblioteca de Arte, CFT164.55603

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *