Revelar o que formou Orpheu

Exposição “Nós, os de Orpheu” recorda os primórdios do movimento modernista em Portugal.

Saíram apenas dois números da Orpheu – Revista Trimestral de Literatura, correspondentes aos primeiros dois trimestres de 1915. Publicada em Lisboa, exerceu uma influência duradoura, pois o seu vanguardismo inspirou movimentos de renovação da literatura portuguesa, nomeadamente o Modernismo.

Nesta exposição, através da reprodução de obras e de documentos (fotografias, recortes de imprensa, correspondência, manuscritos), apresenta-se o grupo que formou a revista Orpheu, e alargam-se perspetivas de leitura a todos aqueles que, um século depois, continuam a descobrir Orpheu.

A exposição “Nós, os de Orpheu foi uma iniciativa do Instituto de Estudos de Literatura e Tradição – IELT, da Casa Fernando Pessoa e do Instituto Camões. Teve lugar na NOVA FCSH de 8 de novembro a 9 de dezembro de 2016.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *